Buscar
  • Ana Alencar

Síndrome da Branca de Neve

"Pessoas que, uma vez chegada a meia-idade, se veem como se entrassem em um processo de decadência. Elas se sentem incomodadas com a imagem refletida no espelho, associando os anos vividos a um véu de negatividade absoluta." (Síndrome da Branca de Neve)

________________________________________________________________________________________________


Há alguns dias fiz uma maquiagem inspirada na Branca de Neve ( vez ou outra eu gosto de me maquiar criando um tema). Fiz isso e postei uma foto no meu instagram, não coloquei legenda nem nada, logo já começaram as curtidas e uma ou outra pessoa me chamando no dm para dizer para postar mais fotos assim, e etc.

Isso me chamou muita atenção, ficando cada vez mais claro que a aprovação social e a beleza está ainda relacionada ao arquétipo da mulher branquinha, de lábios rosados, contornos perfeitos.

A foto não está feia, mas cheia de maquiagem e filtro, apenas um personagem que criei. Fiquei abismada do tanto de engajamento que fotos assim trazem.

O Brasil é o país que realiza o maior número de cirurgias plásticas no mundo, segundo a Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética (ISAPS). De acordo com a pesquisa realizada pela ISAPS, em 2018 o Brasil fez mais de um milhão de cirurgias plásticas e 969 mil procedimentos estéticos não cirúrgico.

Isso é muito preocupante, cada vez mais o "padrão de beleza" vai se modificando e exigindo mais das pessoas, então você tem que ser magra, mas não muito para não parecer doente, você tem que ter o cabelo perfeito, normalmente longo e liso, você tem que ter cílios alongados, olhos destacados, boca sempre rosada, maçãs do rosto com o contorno perfeito, nariz desenhado, rugas e marcas de expressão devem ser evitadas, por fim sorria, mas não gargalhe não pode parecer vulgar ou chamar atenção.

É isso que a mídia, as redes sociais e as clinicas de estéticas vendem o tempo todo!

Claro que não tem problema em você querer mudar algo em você, isso é opcional de cada um, mas isso tem se tornado doença, a tecnologia, os filtros do instagram de certa formam nos influenciam o tempo todo para mudar nosso pensamento e começar a não gostar do que vemos diante do espelho, eu tenho amigas que nunca postaram uma foto sem filtro, eu mesma tenho minhas fases de querer usar filtro, então quando eu posto uma foto com esse padrão e ela tem um retorno muito grande me desperta a reflexão para isso, eu não sou uma pessoa que procuro curtidas, eu gosto de colocar nas minhas redes sociais, o meu momento, minhas fases, para registrar e compartilhar com as pessoas a minha singularidade, mas realmente desta vez fiquei preocupada. Preocupada com amigos que buscam esse tipo de beleza nada natural, e preocupada como esses filtros e maquiagens tem o poder de influenciar tantas mulheres ao ponto delas entrarem em um centro cirúrgico se arriscando pela beleza perfeita.


Eu sou totalmente fora de padrão, nunca fui magra, sou grisalha, tenho minhas rugas de expressão e está tudo bem, não vou mentir, gosto de me maquiar, e vez ou outra uso um filtro, mas acho muito mais bonito acordar descabelada, me olhar nos olhos, percorrer minhas linhas de expressões e perceber a beleza que há nisso, meu cabelo branco eu amo, mas gosto tanto de mudar que hora está branco, hora está de outra cor.

Mas essa sou eu, e este texto é muito menos sobre mim e muito mais sobre essas doenças que o mundo traz.


Encerro o texto de hoje com essa reflexão: Olhe-se no espelho, mas olhe-se nos olhos, perceba a beleza natural da sua singularidade, cada ser é único, não tem outro igual á você! Percorra suas linhas de expressão, cada ruga de stress, mas também de sorrisos, cada fase da nossas vidas, cada alegria e cada tristeza esta aqui em nossas marcas, diante dos nossos olhos.

Ame-se!







19 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Maktub...